quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

José Junior, líder do AfroReggae, acusa o pastor Marcos Pereira de mandar matá-lo: “Ele é um psicopata”

O coordenador do Afro Reggae, José Junior, acusou o pastor Marcos Pereira de querer matá-lo, por achar que seu trabalho social é concorrente das ações religiosas feitas por ele com traficantes.

Para Junior, o pastor “talvez seja a maior mente criminosa do Rio de Janeiro”. José Junior também acusa o pastor de orientar os detentos a fazerem rebeliões e exigirem sua presença nos presídios.

Na entrevista concedida ao jornal Extra, do Rio de Janeiro, o ativista social afirma que “o pastor Marcos Pereira é um psicopata. Ele é um cara do mal” e diz que “se aparecer, algum dia, arma dentro do AfroReggae, foi ordem ele. Se aparecer cocaína, foi ele quem mandou colocar, para desmoralizar”.

Segundo José Junior, o pastor, que antes era um parceiro de ação social, tornou-se um desafeto dele por que distorceu fatos e afirmou dentro das comunidades que as transferências de traficantes dos presídios do Rio de Janeiro para unidades de segurança máxima do governo federal haviam ocorrido como consequência da entrevista concedida por José Junior ao programa Conexões Urbanas. “Ele (pastor) foi a várias favelas dizer que eles foram transferidos por causa do meu programa, e não por causa do helicóptero. Quando ele faz isso, ele decreta a minha pena de morte. Até que, em 2010, você pega uma carta para (o presídio federal de) Catanduvas que, além de mandar atacar as UPPs e coisa e tal, pedia autorização para me matar”, relata o líder do AfroReggae.

José Junior acredita que o poder de influência do pastor dentro das comunidades transformou Marcos Pereira numa pessoa ambiciosa: “Não se satisfaz somente em ter dinheiro, como também quer que as pessoas que competem com ele sejam mortas. Ele é um cara que fez o bem? Fez para muita gente. Ele sempre foi bandido? Acho que não. Mas o poder prostitui”.

O pastor Marcos Pereira negou as acusações de José Junior e afirmou que as declarações de José Junior não passam de “dor de cotovelo”: “Ele deve estar sentindo inveja do meu trabalho. Antes de ele fazer trabalho de ressocialização, eu já fazia isso. Eu já faço trabalho há alguns anos”.

Segundo o pastor, José Junior pode ter sido influenciado por um ex-pastor, que abandonou sua denominação, a Assembleia de Deus dos Últimos Dias, insatisfeito com as diretrizes do ministério de Pereira. O pastor falou que o líder do AfroReggae está com a cabeça “envenenada” e que nunca foi atrás de Junior para conseguir espaço nas favelas do Rio de Janeiro: “Quando a gente se conheceu, foi o José Júnior quem me procurou. Não eu. Ele veio até mim trazido pela mão de um parente do (traficante) Marcinho VP. Levei-o a várias comunidades. Por sinal, o AfroReggae me homenageou duas vezes”, relata Pereira.

Por último, o pastor nega que tenha comandado atentados de traficantes e que esteja influenciando traficantes de comunidades em que José Junior atua como informante da polícia: “Ele (José Junior) pode falar o que quiser. Eu sou a pessoa que mais tem casos de mediação de conflito. Já ajudei a acabar com 13 rebeliões no Rio e uma no Maranhão, entre outras. Meu trabalho é sério. Aqui se faz um trabalho social”, defende-se o pastor.

Fonte: Gospel+
--------------

Quando os lobos atacam as ovelhas

O apóstolo João, em sua segunda carta, versículos 7 a 11, fala acerca de três perigos que a igreja enfrenta em relação aos falsos mestres e enganadores, que como lobos, espreitam as ovelhas de Cristo. Os falsos mestres sempre existiram e sempre procuraram se infiltrar no meio do rebanho para atacar as ovelhas. Esses enganadores negam, por exemplo, as verdades essenciais da fé cristã, como a encarnação de Cristo e sua morte vicária na cruz. Eles têm o mesmo espírito do anticristo e vêm para preparar seu caminho (2Jo 7). Esses lobos nem sempre colocam as unhas de fora. Na maioria das vezes, travestem-se de ovelhas para entrar no aprisco e devorá-las. Que cautela a igreja precisa ter? Quais são os perigos que precisamos evitar para não sermos atacados por essa alcateia de lobos?

1. O perigo de tornar atrás (2 Jo 8). João alerta aos crentes para ficarem atentos a fim de não retrocederem e não perderem aquilo que foi realizado com esforço pelos verdadeiros obreiros de Deus. Quem retrocede na fé, quem escuta a voz dos falsos mestres e quem se afasta da igreja do Deus vivo para dar ouvidos às heresias perniciosas dos falsos mestres rifa sua própria alma no balcão do engano. O apóstolo João recomenda cautela, pois os falsos mestres não se apresentam como tal. Eles vêm com voz suave. São simpáticos, atraentes, bons comunicadores. Parecem sempre estar na frente, trazendo revelações novas e espetaculares. Mas, sorrateiramente ou mesmo explicitamente negam as verdades fundamentais da fé cristã e desconstroem os pilares do cristianismo. Seguir esses aventureiros é desviar-se da fé, é mergulhar na escuridão da mentira de Satanás e colocar os pés no caminho largo que conduz à perdição.

2. O perigo de ir além (2 Jo 9). Os falsos mestres sempre ficam aquém das Escrituras ou vão além delas. Eles ultrapassam a doutrina de Cristo. Não têm a Palavra de Deus como única regra de fé e prática. Acrescentam à Bíblia alguma nova revelação. Ao fazerem isso, negam a veracidade e a suficiência das Escrituras. Negam também a Pessoa e a obra perfeita e completa de Cristo. Negam a salvação pela graça e introduzem mentiras perniciosas, fazendo-as passar pela última verdade a que todos os homens devem se render. O apóstolo Paulo já havia alertado aos crentes da Galácia que ainda que um anjo de Deus viesse do céu para pregar outro evangelho, além daquele que foi pregado, deveria ser rejeitado veementemente. Só há um evangelho. Só há uma mensagem salvadora. Buscar outros caminhos, outras fontes e outras revelações é cair num abismo trevoso, é desviar-se da verdade, é apostatar-se da fé.

3. O perigo de ir junto (2 Jo 10,11). O apóstolo João é enfático em dizer que não podemos receber em nossa casa aqueles que trazem em sua bagagem a falsa doutrina, aqueles que negam nosso grande Deus e Salvador Jesus Cristo como nosso único e suficiente Salvador e Senhor. Não podemos dar as boas vindas a esses lobos travestidos de ovelhas, pois fazer isso é tornar-se cúmplice de suas obras más. Os falsos mestres são incansáveis em sua jornada de morte. Eles são itinerantes. Batem de porta em porta e buscam sempre uma oportunidade para enredar alguém com sua astúcia. A única forma de mantermos esses lobos fora do aprisco, longe das ovelhas e distante da nossa casa é firmarmo-nos na verdade. Sem o conhecimento das Escrituras, não teremos discernimento necessário para distinguir entre o lobo e a ovelha, entre a verdade e a mentira, entre o verdadeiro evangelho e o falso evangelho. Nesse tempo em que a sociedade organizada, por meio de suas mais respeitadas instituições, conspiram contra os valores espirituais e morais que devem reger a família. Nesse tempo em que florescem como cogumelo novas seitas bem como novas igrejas introduzindo novidades estranhas às Escrituras, arrebatando multidões aos seus redutos, precisamos nos acautelar e dar ouvidos à exortação do apóstolo João: Não torne atrás! Não vá além da doutrina! Não caminhe junto com os falsos mestres!


Fonte: Rev. Hernandes Dias Lopes em seu blog
--------------------------------------------

Senador evangélico Marcelo Crivella diz crer em aproximação do governo Dilma com evangélicos

O novo ministro da Pesca, Marcelo Crivella (PRB-RJ), afirmou nesta quarta-feira (29) acreditar que sua indicação para o cargo resultará em uma maior aproximação do governo com os evangélicos. Senador integrante da bancada evangélica, Crivella foi indicado nesta tarde para substituir Luiz Sérgio na Secretaria da Pesca e Aquicultura.

“Acredito que sim [haverá maior aproximação], embora não tenha sido esse o objetivo quando ela [Dilma] me convidou. [...] Sempre trabalhei na bancada evangélica para dirimir controvérsias”, afirmou.

A aproximação do governo com os evangélicos é estratégica para a candidatura do ex-ministro da Educação Fernando Haddad à Prefeitura de São Paulo. Haddad enfrentou forte oposição de parlamentares religiosos ao tentar implementar nas escolas o chamado "kit anti-homofobia", material didático voltado ao combate ao preconceito contra homossexuais.

O PRB de Crivella é o partido do ex-vice-presidente José Alencar, morto em março de 2011. O partido agrega parte da bancada evangélica no Congresso, integrou a base de sustentação do governo de Luiz Inácio Lula da Silva e segue na base aliada no governo Dilma Rousseff.

Em nota, a Presidência afirmou que a indicação de Crivella abre espaço para "importante partido aliado".

O senador Marcelo Crivella disse esperar que as bancadas evangélicas na Câmara e no Senado possam “cooperar” mais com o governo federal. “Eu faço parte da bancada evangélica e espero que ela consiga cooperar com o governo. Mas sou indicado do PRB, não da bancada”, destacou.

Metas

Crivella afirmou que, como ministro da Pesca, tentará alcançar quatro metas: gerar 1 milhão de empregos no setor em dez anos, quintuplicar a produção sustentável da aquicultura, duplicar a captura sustentável de peixes e duplicar o consumo per capita de peixes no Brasil.

O novo ministro admitiu que “tem muito a aprender” sobre pesca e aquicultura. “É uma área que, eu confesso a vocês, vou ter que aprender, e aprender muito”, afirmou.

Crivella contou que Dilma disse a ele, por telefone, que o setor da pesca é importante por envolver “milhões de brasileiros, sobretudo famílias humildes.”

“A minha responsabilidade é enorme e eu espero poder estar à altura desse cargo, dessa honraria”, disse. O novo ministro afirmou que é preciso aumentar a quantidade de engenheiros e cientistas voltados ao setor da pesca.


Fonte: G1
---------

Brasil fará a espanhóis exigências iguais a de brasileiros na Espanha

A partir do dia 2 de abril, o Brasil aplicará o princípio da reciprocidade em relação aos viajantes espanhóis que queiram entrar no País, impondo-lhes as mesmas exigências que têm de ser acatadas por brasileiros que passam pela imigração do país europeu.

De acordo com a decisão do Ministério de Relações Exteriores, serão exigidos dos espanhóis, além do passaporte válido, passagem de volta com data marcada, comprovação de reserva em hotel ou alojamento e dinheiro suficiente para se manter no país pelo período declarado.

Caso o turista fique na casa de parente ou amigo, terá de apresentar uma carta de quem o convidou informando quantos dias o visitante permanecerá no Brasil. A carta terá de ser assinada pelo anfitrião com firma reconhecida em cartório.

Com relação ao dinheiro, o valor mínimo exigido pelo governo brasileiro é de R$ 170 por dia de permanência no país.

Os cidadãos brasileiros não precisam de visto para entrar na Espanha caso a permanência no país não exceda 90 dias. Contudo, os critérios para admissão de estrangeiros não foram definidos pelo governo espanhol, mas sim pelos países signatários do Acordo de Schengen, que estabelece requisitos em comum de imigração.

Para entrar no país, as autoridades espanholas podem exigir passaporte com validade mínima de seis meses; passagem de avião nominal, intransferível e com data marcada de retorno; comprovante de que o viajante tem recursos financeiros para se manter no país equivalentes a R$ 147 reais por pessoa por dia de permanência ou, no mínimo, R$ 1,3 mil para período de estada entre um e nove dias.



Fonte: Último Segundo com informações da Agência Brasil
--------------------------------------------------

Quando perdemos alguém que amamos!

A morte é algo extremamente doloroso. Mesmo quando alguém morre em Cristo, e nisto temos a certeza de que nos veremos novamente no futuro, o consolo na dor somente vem do Senhor. Nem por isso a separação física se torna menos angustiante. O Rev. Nelson Lautert declarou que "a morte é sempre uma intervenção radical na vida, algo antinatural, que faz parar, que confronta a pessoa com a sua própria história e a coloca nua diante do seu Criador" (Revista Ultimato, jan-fev, 1999, p. 17).

A pedagogia da morte nos ensina que: "o SENHOR nos deu, o SENHOR nos tomou; bendito seja o nome do SENHOR" (Jó 1:21b). Por isso, abrace, beije e dê flores, troque presentes e crie momentos que se tornarão em memoriais para todos. O pregador de Eclesiastes afirma enfaticamente que esta vida é tão passageira e, às vezes, não nos damos conta disso (Ec 3:20).

Perder é muito mais do que morrer. A morte é uma separação física, entretanto, a amargura e a inimizade produzem uma separação de relacionamentos. A ausência do abandono deixa um vazio insubstituível. A pior perda num relacionamento é quando perdemos o coração de quem se ama. Mas, infelizmente, algumas pessoas somente valorizam quando não têm mais. Mas, o perdão e o restruturar do relacionamento, cheios da misericórdia de Deus, podem restaurar o amor. Esta é a única perca que pode ser restituída. Entretanto, ela começa com humildade e arrependimento, e por fim produz felicidade e vida abundante.

Outra forma dolorosa de se perder alguém que amamos é pela enfermidade. Sabemos histórias de pessoas que desenvolveram enfermidades mentais que lhes anularam a personalidade. Conta-se que num hospital um jovem enfermeiro começou a perceber uma assídua visita de um senhor idoso. Então, o enfermeiro abordou o senhor e lhe perguntou quem ele tanto zelosamente ia ver todos os dias. A resposta daquele homem foi: "minha esposa". "O que ela tem", questionou o enfermeiro. Simpático, o senhor respondeu: "mal de alzaimer" (*uma doença que produz esquecimento). Admirado o enfermeiro insiste, e pergunta: "porque o senhor vem vê-la todos os dias se ela não se lembra de quem o senhor é?" A experiência havia capacitado o idoso a responder com sabedoria: "meu jovem, eu amo a minha esposa, mesmo que ela não se lembre disto. Entretanto, não procuro mais o reconhecimento da minha dedicação por ela, mas demonstrar a minha gratidão por ela. Não a amo por causa da sua limitação mental, mas sofro por causa disto; porém, a amo por tudo o que ela foi, e fez e significa para mim! Ela não é um peso em minha vida. Venho todos os dias porque sinto saudades dela, mesmo estando ao seu lado. Quando jovem, prometi que estaria ao seu lado até que a morte nos separasse."


Fonte: Ewerton B. Tokashiki em seu blog
-------------------------------------

Informações sobre execução do pastor Yousef Nadarkhani não são confirmadas

Os advogados do pastor iraniano que aguarda a decisão final sobre sua sentença de morte ainda não receberam uma confirmação oficial das autoridades de que seu cliente será executado, apesar de todas as informações de que sua morte é iminente

Rumores de uma execução iminente para o pastor Yousef Nadarkhani vazaram esta semana depois que uma fonte próxima aos advogados do pastor contatou a mídia internacional, informando que o tribunal havia assinado os papeis para a execução de Nadarkhani.

“O advogado ainda está aguardando a confirmação, mas ele soube que a execução já havia sido anunciada”, afirma Firouz Khandjani, membro do Conselho da Igreja do Irã, denominação à qual Yousef pertence. “Agora, estamos tentando entender exatamente o que aconteceu, porque as informações vieram de uma fonte confiável”.

O caso de Nadarkhani foi transferido recentemente para o líder supremo Aiatolá Khamenei, para que ele tomasse a decisão sobre a sentença de morte, mas legalmente o tribunal ainda tem a autoridade de emitir a ordem de execução, afirma Khandjani. Khamenei pode ou não tomar a decisão, e se o tribunal emitir a ordem de execução, o aiatolá teria a autoridade de anulá-la.

Apesar de os advogados de Nadarkhani não terem recebido a confirmação por escrito, Khandjani afirma estar preocupado, pois o governo desconsidera suas próprias leis e processos legais ao tratar os cristãos. Diversos prisioneiros já foram executados sem aviso.

Nadarkhani falou com sua esposa por telefone no dia 22 de fevereiro, e o Centro Americano da Lei e Justiça (veja link) afirma que ele ainda está vivo.

“Temos que continuar orando e falando sobre a situação dos cristãos no Irã, porque é um momento de tensão para o povo”. Os cristãos no Irã são repetidamente presos e interrogados. O caso de Nadarkhani não é algo fora do comum no país.

Para agir em favor de Yousef Nadarkhani, acesse http://aclj.org/iran/save-christian-pastor-nadarkhani-iranian-death-sentence


Tradução: Deborah Stafussi no Portas Abertas
Fonte: Compass Direct
----------------------------

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Aprovado no vestibular o primeiro aluno com Síndrome de Down da UFG

Kallil comemorou a aprovação ao lado da irmã, Kamilla Assis Tavares

Ser aprovado em uma faculdade pública é um sonho de muitos jovens que se tornou realidade para Kallil Assis Tavares, 21 anos, que na próxima segunda-feira começa a estudar geografia no campus de Jataí da Universidade de Goiás (UFG). Para a instituição, a conquista de Kallil é ainda mais importante e precisa ser reverenciada, já que ele é o primeiro aluno com Síndrome de Down a ingressar na universidade. "Isso demonstra que nós estamos conseguindo superar o preconceito, que infelizmente ainda existe em nossa sociedade", afirma a coordenadora do Núcleo de Acessibilidade da UFG, professora Dulce Barros de Almeida.

Kallil não teve correção diferenciada, concorreu de igual para igual com todos os outros candidatos. "Apenas pedimos para que a universidade disponibilizasse um monitor para ler a prova e que as letras dos textos fossem maiores porque ele tem baixa visão", disse a mãe do jovem, Eunice Tavares Silveira Lima. Segundo ela, Kallil sempre foi estudioso e desde criança gostava de mapas.

"No segundo ano do ensino médio ele decidiu que iria fazer vestibular para geografia. Nós apoiamos a escolha, mas ficamos surpresos com a aprovação, era uma prova muito difícil", afirmou Eunice. Ela ainda disse que o filho estudou apenas dois anos em uma escola especial. Com 5 anos de idade ele foi para um colégio privado de ensino regular. "O colégio não tinha nenhum aluno com Down, mas quando há vontade de se trabalhar a inclusão, se dá um jeito. Foi disponibilizado um monitor e os professores sempre apoiaram meu filho", conta.

Ela acredita que o fato de Kallil ter estudado em uma escola regular vai contribuir com a adaptação na universidade. "Não sou contra as escolas especiais, mas elas devem servir como um apoio, um lugar para onde os alunos vão no contraturno", explica. A mãe ainda disse que não cria expectativas sobre como será o desempenho dele daqui em diante. "Não estamos programando nada especial para o Kallil quando começar as aulas. De acordo com as necessidades que ele apresentar, nós como família e a universidade teremos de nos adaptar", disse ao destacar que o filho pode precisar do auxílio de um monitor durante as atividades em aula.

A coordenadora do Núcleo de Acessibilidade da UFG concorda sobre a importância de alunos com necessidades especiais frequentarem escolas regulares e diz que a universidade tem a obrigação de atender todas as exigências desses estudantes para que eles cumpram com o direito de fazer um curso superior. "Nós temos um aluno cego no curso de Ciência da Computação que recebe acompanhamento de um monitor. Se essa for a necessidade de Kallil, com certeza estaremos prontos para disponibilizar isso".

O núcleo para atender alunos com necessidades especiais na UFG foi criado em 2010. De lá para cá, a instituição ganhou 15 estudantes surdos, que fazem o curso de Letras, além do jovem cego. A professora Dulce espera que o caso de Kallil sirva de exemplo para que nas próximas seleções mais estudantes com necessidades semelhantes sintam-se motivados em fazer um curso superior. "Isso incentiva as famílias a acreditar no potencial que essas pessoas têm. E cabe a nós, como educadores, mostrar que o preconceito não pode existir mais", completa.


Fonte: Terra
-------------

Casais inteligentes permanecem juntos... E já são ricos!

Não é um trocadilho, é uma crítica. O título do livro “Casais inteligentes enriquecem juntos”, de Gustavo Cerbasi, não é adequado. Primeiro, porque propõe inteligência como caminho de enriquecimento: se é inteligente, enriquece. Não creio que seja assim… Segundo, porque desvia a atenção do leitor quanto à verdadeira riqueza de um casal: a união em si. Como enriquecer a quem tudo já possui?

Não, não é exagero. Casamento é riqueza de valor imensurável. Sua conquista é uma dádiva. Sua manutenção, uma bênção. A tese não é minha; pertence à sabedoria bíblica: “O que acha uma esposa acha o bem e alcançou a benevolência do Senhor” (Provérbios 18:22); e ainda: “Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de finas jóias” (Provérbios 31:10). Nem todos os tesouros do mundo podem ser comparados ao valor de um casamento abençoado e feliz.

Quando se sugere que o casamento inteligente enriquece, o equívoco não está unicamente na sugestão (que pode até revelar-se verdadeira, para alguns), mas no foco: mais que ambiente para a aquisição de quaisquer recursos, o casamento é um espaço para compartilhá-los. A atenção não deve estar voltada para o que se pode alcançar, mas ao que se tem à disposição para oferecer.

Eu reconheço, é óbvio: ninguém pode dar o que não possui; mas não é tão óbvio, ao menos para a maior parte dos casais de hoje, que a inteligência afetiva revela-se mais no compartilhar que no conquistar. Dai e ser-vos-á dado… – disse Jesus. Ele sabia que nenhum sustento vem do simples fato de alguém ser ganancioso ou mesquinho, mas do fato de confiar em Deus e, de suas mãos, aguardar a providência. Se ele não edificar uma casa, em vão trabalham os que a edificam; se não guardar a cidade, em vão vigiam as sentinelas; se não der aos seus amados, em vão levantam cedo, dormem tarde…

Outra coisa: a inteligência de um casal não pode ser medida por seus acúmulos financeiros ou patrimoniais, mas por seus níveis de maturidade e intimidade. Se casais inteligentes enriquecem ou não, pouco importa. Casais inteligentes – e isso importa – permanecem juntos, pois na superação das crises, feridas, distanciamentos ocasionais e desencontros das vontades individuais, aprendem a dialogar, ceder, confiar e vencer fantasias juvenis; tudo em nome da construção de um projeto de vida para além do universo particular. Foi Paulo quem sugeriu que amar o cônjuge é amar a si mesmo.

Finalmente, vale dizer que outro sinal de real inteligência é a obediência a Deus. Um coração voltado para as riquezas deste mundo é, na verdade, uma marca de total estupidez: o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males (1 Timóteo 6:10). Não nego que um casal ajustado e capacitado deverá administrar com excelência seus recursos e investir com sabedoria em seu futuro, mas não o fará para enriquecer, senão para servir. Riqueza será sempre consequência, nunca alvo. A inteligência espiritual diz que é melhor buscar o Reino de Deus e sua justiça; todas as demais coisas serão acrescentadas.


Fonte: Marcelo Gomes em Vineyard Café
------------------------------------

Manifestantes protestam contra pastor que oferecia cura em troca de sexo

O caso começou a ser julgado na manhã de hoje no Fórum Criminal da Barra Funda, na zona oeste de São Paulo

Dezenas de pessoas se reuniram, nesta segunda-feira, em um protesto contra o pastor Aldo Bertoni, de 85 anos, suspeito de oferecer a cura para doenças em troca de sexo numa seita que criou para adorar a si mesmo. O caso começou a ser julgado na manhã de hoje no Fórum Criminal da Barra Funda, na zona oeste de São Paulo.

Bertoni tem os passos acompanhados de perto pelo Ministério Público desde 2009, quando a primeira vítima tomou coragem e procurou os promotores. Depois dela, dezenas de vítimas fizeram o mesmo.


Fonte: Band
-----------

Salmos 78

Povo meu, escute o meu ensino;
incline os ouvidos para o que eu tenho a dizer.
Em parábolas abrirei a minha boca,
proferirei enigmas do passado;
o que ouvimos e aprendemos,
o que nossos pais nos contaram.
Não os esconderemos dos nossos filhos;
contaremos à próxima geração os louváveis feitos do Senhor,
o seu poder e as maravilhas que fez.
Ele decretou estatutos para Jacó,
e em Israel estabeleceu a lei,
e ordenou aos nossos antepassados
que a ensinassem aos seus filhos,
de modo que a geração seguinte a conhecesse,
e também os filhos que ainda nasceriam,
e eles, por sua vez, contassem aos seus próprios filhos.
Então eles porão a confiança em Deus;
não esquecerão os seus feitos
e obedecerão aos seus mandamentos.
Eles não serão como os seus antepassados,
obstinados e rebeldes, povo de coração desleal para com Deus,
gente de espírito infiel.
Os homens de Efraim, flecheiros armados,
viraram as costas no dia da batalha;
não guardaram a aliança de Deus
e se recusaram a viver de acordo com a sua lei.
Esqueceram o que ele tinha feito,
as maravilhas que lhes havia mostrado.
Ele fez milagres diante dos seus antepassados,
na terra do Egito, na região de Zoã.
Dividiu o mar para que pudessem passar;
fez a água erguer-se como um muro.
Ele os guiou com a nuvem de dia
e com a luz do fogo de noite.
Fendeu as rochas no deserto
e deu-lhes tanta água como a que flui das profundezas;
da pedra fez sair regatos e fluir água como um rio.
Mas contra ele continuaram a pecar,
revoltando-se no deserto contra o Altíssimo.
Deliberadamente puseram Deus à prova,
exigindo o que desejavam comer.
Duvidaram de Deus, dizendo:
"Poderá Deus preparar uma mesa no deserto?
Sabemos que quando ele feriu a rocha a água brotou
e jorrou em torrentes. Mas conseguirá também dar-nos de comer?
Poderá suprir de carne o seu povo?"
O Senhor os ouviu e enfureceu-se; atacou Jacó com fogo,
e sua ira levantou-se contra Israel,
pois eles não creram em Deus nem confiaram no seu poder salvador.
Contudo, ele deu ordens às nuvens e abriu as portas dos céus;
fez chover maná para que o povo comesse, deu-lhe o pão dos céus.
Os homens comeram o pão dos anjos; enviou-lhes comida à vontade.
Enviou dos céus o vento oriental
e pelo seu poder fez avançar o vento sul.
Fez chover carne sobre eles como pó,
bandos de aves como a areia da praia.
Levou-as a cair dentro do acampamento,
ao redor das suas tendas.
Comeram à vontade, e assim ele satisfez o desejo deles.
Mas, antes de saciarem o apetite,
quando ainda tinham a comida na boca,
acendeu-se contra eles a ira de Deus;
e ele feriu de morte os mais fortes dentre eles,
matando os jovens de Israel.
A despeito disso tudo, continuaram pecando;
não creram nos seus prodígios.
Por isso ele encerrou os dias deles como um sopro
e os anos deles em repentino pavor.
Sempre que Deus os castigava com a morte, eles o buscavam;
com fervor se voltavam de novo para ele.
Lembravam-se de que Deus era a sua Rocha,
de que o Deus Altíssimo era o seu Redentor.
Com a boca o adulavam, com a língua o enganavam;
o coração deles não era sincero;
não foram fiéis à sua aliança.
Contudo, ele foi misericordioso;
perdoou-lhes as maldades e não os destruiu.
Vez após vez conteve a sua ira, sem despertá-la totalmente.
Lembrou-se de que eram meros mortais,
brisa passageira que não retorna.
Quantas vezes mostraram-se rebeldes contra ele no deserto
e o entristeceram na terra solitária!
Repetidas vezes puseram Deus à prova;
irritaram o Santo de Israel.
Não se lembravam da sua mão poderosa,
do dia em que os redimiu do opressor,
do dia em que mostrou os seus prodígios no Egito,
as suas maravilhas na região de Zoã,
quando transformou os rios e os riachos dos egípcios em sangue,
e não mais conseguiam beber das suas águas,
e enviou enxames de moscas que os devoraram,
e rãs que os devastaram;
quando entregou as suas plantações às larvas,
a produção da terra aos gafanhotos;
e destruiu as suas vinhas com a saraiva
e as suas figueiras bravas, com a geada;
quando entregou o gado deles ao granizo,
os seus rebanhos aos raios;
quando os atingiu com a sua ira ardente,
com furor, indignação e hostilidade,
com muitos anjos destruidores.
Abriu caminho para a sua ira;
não os poupou da morte, mas os entregou à peste.
Matou todos os primogênitos do Egito,
as primícias do vigor varonil das tendas de Cam.
Mas tirou o seu povo como ovelhas
e o conduziu como a um rebanho pelo deserto.
Ele os guiou em segurança, e não tiveram medo;
e os seus inimigos afundaram-se no mar.
Assim os trouxe à fronteira da sua terra santa,
aos montes que a sua mão direita conquistou.
Expulsou nações que lá estavam,
distribuiu-lhes as terras por herança
e deu suas tendas às tribos de Israel
para que nelas habitassem.
Mas eles puseram Deus à prova
e foram rebeldes contra o Altíssimo;
não obedeceram aos seus testemunhos.
Foram desleais e infiéis, como os seus antepassados,
confiáveis como um arco defeituoso.
Eles o irritaram com os altares idólatras;
com os seus ídolos lhe provocaram ciúmes.
Sabendo-o Deus, enfureceu-se
e rejeitou totalmente a Israel;
abandonou o tabernáculo de Siló,
a tenda onde habitava entre os homens.
Entregou o símbolo do seu poder ao cativeiro,
e o seu esplendor, nas mãos do adversário.
Deixou que o seu povo fosse morto à espada,
pois enfureceu-se com a sua herança.
O fogo consumiu os seus jovens,
e as suas moças não tiveram canções de núpcias;
os sacerdotes foram mortos à espada!
As viúvas já nem podiam chorar!
Então o Senhor despertou como que de um sono,
como um guerreiro exaltado pelo vinho.
Fez retroceder a golpes os seus adversários
e os entregou a permanente humilhação.
Também rejeitou as tendas de José,
e não escolheu a tribo de Efraim;
ao contrário, escolheu a tribo de Judá
e o monte Sião, o qual amou.
Construiu o seu santuário como as alturas;
como a terra o firmou para sempre.
Escolheu o seu servo Davi
e o tirou do aprisco das ovelhas,
do pastoreio de ovelhas para ser o pastor de Jacó,
seu povo, de Israel, sua herança.
E de coração íntegro Davi os pastoreou,
com mãos experientes os conduziu.


----------------------------------

Igreja cria campanha para que seus membros façam “tatuagens cristãs”

Um dos assuntos mais controversos ainda discutidos na igreja contemporânea é a tatuagem. Vista por muitos cristãos como prática proibida, devido a passagens presentes no Antigo Testamento, a tatuagem é uma arte cada vez mais presente no meio cristão, sendo, inclusive, usada por muitos como forma de expressar sua fé.

Marginalizada durante muito tempo na cultura ocidental, as tatuagens são usadas como forma de expressão e identificação em diversos segmentos da sociedade, e é muitas vezes vista negativamente devido ao seu uso entre presidiários e mafiosos de diversos países. Em algumas comunidades tribais tatuagens são consideradas elementos essenciais para definir a identidade visual e coletiva.

Diante da grande popularização das tatuagens com temática religiosa, o pastor Chris Seay, da Comunidade Ecclesia, em Houston, Texas, criou uma “campanha” durante a quaresma, para que membros de sua congregação façam tatuagens ilustrando, de algum modo, a vida e a crucificação Jesus.

Segundo a ABC Local o pastor convidou o tatuador e artista plástico Scott Erickson, para criar, inicialmente, 10 desenhos que representassem as “Estações da Cruz” e anunciou em sua igreja que procurava 10 pessoas que desejassem fazer essas tatuagens. A ideia atraiu mais de 50 voluntários e todos foram tatuados com um desenho personalizado, feito por Erickson.

Evitando desenhos com as comuns cruzes ou imagens do rosto de Cristo, o tatuador explicou o conceito artístico por trás de suas criações: “Eu acho a cruz totalmente importante, mas como um símbolo ela não inspira mais as pessoas, tornou-se algo decorativo”. Por esse motivo, e como forma de incitar a curiosidade de quem vê as tatuagens, ele incorporou símbolos cristãos mais sutis, como o pintassilgo, que tradicionalmente representa Cristo na Paixão, e escreveu algumas frases em latim.

“O protestantismo tem uma cultura visual muito pouco desenvolvida”, afirmou o artista, que disse ainda que “As Estações da Cruz, mostram uma história muito intensa. Não havendo espaço para os cordeiros fofinhos e cores brilhantes”.

Seay é pós-graduado em Teologia pela Universidade Batista Baylor e autor de diversos livros, que relacionam o cristianismo com filmes e séries de televisão, entre eles The Gospel According to Tony Soprano (O evangelho segundo Tony Soprano) e The Gospel Reloaded, sobre os dois primeiros filmes da trilogia The Matrix. O pastor é apontado como um dos novos líderes o movimento conhecido como “Igreja Emergente”.

Brent Plate, que é professor de um curso sobre religião e cultura pop no Hamilton College, em Nova York, falou sobre a campanha da Ecclesia. Segundo ele “este é um projeto fascinante, criativo e provocador”. Para Plate “fazer as Estações como tatuagens é claramente algo que se encaixa bem com o movimento da chamada igreja emergente. Afinal, eles desejam estar totalmente envolvidos com a cultura contemporânea, sem perder sua identidade espiritual cristã”.


Fonte: Gospel+
--------------

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

O jardim secreto de cada um

Há dentro de todos nós essa necessidade de ter em algum lugar nosso jardim secreto, não onde vamos confinar nossos segredos, mas onde podemos ter um encontro real e exclusivo conosco.

Umas pessoas sentem mais essa necessidade que outras, mas estar consigo de vez em quando, interiorizar-se, colocar ordem nos pensamentos ou simplesmente abandonar-se, é vital ao equilíbrio de todos nós.

Em todo relacionamento onde o amor existe, esse espaço deve ser conservado como o limite de cada um. Os relacionamentos fusionais que ultrapassam essas barreiras acabam por destruir-se, pois amar é também respeitar que a outra pessoa tenha seu recanto, seus pensamentos e, por que não, seus próprios amigos, próprias idéias e sonhos.

As pessoas não precisam estar juntas cem por cento do tempo para provarem que se amam. Elas se amam por que se amam e pronto. Dar ao outro um pouco de espaço, um pouco de ar para respirar, é dar-lhe também a oportunidade de sentir falta de estar junto. E isso vale tanto para os amores como para as amizades.

As cobranças intermináveis, resultados de carências afetivas, acabam por sufocar a outra parte e cria na que pede, espera, implora, ansiedades que a tornarão infeliz, pois ela verá como desamor qualquer gesto que não corresponda ao que espera.

Amar é deixar o outro livre para ficar ou para se retirar. É respeitar seu silêncio e seu desejo de solitude. E é deixá-lo livre para ir e voltar quando o coração pedir, que isso seja numa cidade ou dentro de uma casa.

Nada impede que um grande e lindo jardim seja construído juntos e que de mãos dadas se passeie por ele, com o peito cheio de felicidade e a cabeça cheia de sonhos... mas ainda assim, o jardim secreto de cada um deve ser mantido como lugar único e que vai, no fim das contas, enriquecer as relações.



Autor: Letícia Thompson
-----------------------

Empresários investem em segmento evangélico

Editora Luz e Vida, criadora do Smilinguido: empresa apresenta crescimento de 11,11% ao ano

O Brasil conta hoje com 55 milhões de evangélicos, segundo os últimos dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Eles movimentam, por ano, R$ 1 bilhão no consumo de produtos e serviços voltados ao segmento cristão, conforme os dados divulgados pela organização da Expocristã, o maior evento do setor. Além do material de evangelização, empresários apostam de em roupas diferenciadas a sites de compras coletivas cristãs.

Em Curitiba, por exemplo, umas das mais conhecidas empresas a trabalhar com este nicho é a Editora Luz e Vida, responsável pelo personagem Smilinguido, e que cresceu 11,11% no último ano. Bonecos de pelúcia com temas e mensagens cristãs, bíblias com os personagens e agendas são o carro-chefe do faturamento da empresas. Há 32 anos o mercado, completados em 31 de janeiro, Márcio Aparecido Farinas, coordenador comercial do Mercado de Representação da Editora Luz e Vida, afirma que para este ano, o foco são as franquias e investimentos em novas lojas-próprias.

“As franquias, contarão com espaços multifuncionais, com cenário lúdico e atividades pedagógicas”, revela. Hoje, a Editora conta com quatro lojas-próprias: em Curitiba, em Porto Alegre e duas em Recife (PE). Os produtos Luz e Vida estão em mais de 30 países, com estampas do personagem Smilingüido e sua Turma. Atualmente, a Editora comercializa 200 produtos estampado com o personagem.

Entre estes produtos estão camisetas fabricadas pela Malharia Luzza Produtos Cristãos, de Londrina. Luza Oliveira Fernandes, proprietária da empresa, conta que começou produzindo peças de porcelanas com mensagens bíblicas. Mas a partir de 2003, a empresa fechou um contrato para a produção de camisetas para a linha Nosso Amiguinho e, a partir daí, resolveu investir na produção de camisetas com mensagens voltadas para os cristãos de modo geral. “Sem alusão a esta ou aquela igreja e com modelagem mais jovial, mais modinha”, conta.

A Kauly Moda Evangélica tem apostado na confecção de roupas dentro dos padrões exigidos pelas igrejas evangélicas e, ao mesmo tempo, se preocupando em manter os modelos dentro da moda. Saias abaixo do joelho, blusas sem decote e mangas cobrindo os ombros têm alavancado o crescimento de 20% ao ano da empresa. A fabricação conta com mais de 30 mil peças todo mês, com 100 a 200 modelos diferentes, que são distribuídos em todo o Brasil. Os produtos são vedidos pelo site www.kauly.com.br

A Sol da Terra, com sede em Goiás, desde 2000, produz “moda comportada para a mulher cristã”, conforme definição do próprio site que comercializa vendas no atacado e anuncia a busca de representantes comerciais pelos estados do Sudeste e Sul. Os principais produtos da marca são blusas de manga, manga 3/4, camisete em cetim, saias nos comprimentos secretária, longuete e 7/8, além de conjunto blusa e saia bordados, vestidos jeans, lisos e bordados e modinha jovem.


Fonte: Bem Paraná
-----------------

Brasil pode intervir na libertação do pastor Youcef Nadarkhani por ter boas relações com o Irã

O Brasil se comove com a situação do líder religioso, o pastor Youcef Nadarkhani, preso no Irã desde outubro de 2009. Segundo o Jornal Nacional, o Brasil poderia intervir na situação, pois tem boas relações diplomáticas com o Irã.

Em 21 de fevereiro o American Center for Law Justice (ACLJ), organização que defende a liberdade religiosa, confirmou que um tribunal iraniano emitiu a sentença de morte ao líder religioso que está sendo acusado de apostasia por negar sua fé em Jesus Cristo.

A detenção e provável sentença de execução de Nadarkhani vem provocando indignação e protestos de governos e defensores da liberdade de religião em todo o mundo.

A Casa Branca e o Departamento de Estado do EUA emitiram um comunicado nesta quinta-feira à imprensa exigindo a imediata libertação do pastor.

"Estamos com líderes religiosos e políticos de todo o mundo para condenar a prisão de Youcef Nadarkhani e apelar à libertação imediata", disse o Departamento de estado dos EUA.

O secretário de Relações exteriores britânico, William Hague e a União Européia estão pressionando o Irã por violar também a Declaração Universal dos Direitos Humanos, segundo o Global Post.

Nadarkhani foi inicialmente preso em outubro de 2009 por protestar contra o ensino do Islã na escola de seus filhos.

Ele se converteu aos 19 anos, três anos depois já passou a praticar o evangelismo na cidade de Rasht, noroeste de Teerã. Nadarkhani chegou a liderar um grupo de cerca de 400 cristãos no Irã. As acusações que pesam contra ele são atualmente apostasia e tentar evangelizar muçulmanos.

A sentença para apostasia foi a execução por enforcamento, mas, após pressão internacional sobre o sistema judicial iraniano o veredicto foi adiado, passando o caso para o aiatolá Ali Khamenei, da nação suprema autoridade, para revisão.

A esposa de Nadarkhani chegou a ser detida, e condenada à prisão perpétua mas depois foi libertada.

Foi oferecido ao pastor por três vezes a proposta de retornar ao islamismo e ser poupado da pena de morte, mas ele não aceitou.


Fonte: The Christian Post
-------------------------

Até que ponto vai a supervisão dos pastores?

No Novo Testamento, homens com qualificações especiais reveladas pelo Senhor (veja 1 Timóteo 3:1-7; Tito 1:5-9) foram selecionados para supervisionar e cuidar dos seus irmãos. Estes homens foram chamados presbíteros ou bispos, e sua função era pastorear o rebanho de Deus (Atos 20:17,28; 1 Pedro 5:1-3). Pelo seu exemplo e ensinamento, eles eram encarregados da responsabilidade de guiar o rebanho no serviço do Senhor (Hebreus 13:7,17).

Tais homens eram selecionados nas igrejas locais (Atos 14:23; Filipenses 1:1). Observe que nunca lemos no Novo Testamento sobre um só homem pastoreando uma igreja; havia sempre mais de um (Atos 20:17; Filipenses 1:1). O propósito de Deus não era dar alguma posição de poder a algum homem, mas colocar bons homens na posição de olhar por seus irmãos.

Esses homens tinham que supervisionar o rebanho onde estavam (1 Pedro 5:2). Não há a mais leve sugestão de bispos nas igrejas primitivas tentando supervisionar ou comandar o trabalho de outras igrejas. Tais termos como igrejas matrizes, igrejas filiais, igrejas patroci-nadoras e igrejas de missões são invenções humanas sem qualquer base bíblica. Quando pastores de uma igreja procuram supervisionar seus irmãos de outras congregações, eles estão indo além das instruções do Senhor. Ninguém, especial-mente aqueles que guiam o povo de Deus, deve exceder o que Deus determinou (1 Coríntios 4:6; Colossenses 3:17).

Isto não significa que um bispo de uma igreja local não possa ensinar irmãos em outros lugares. Pedro serviu como presbítero no tempo em que ele escreveu sua primeira carta (1 Pedro 5:1). Presbíteros, como qualquer outro cristão, podem ensinar qual-quer um, em qualquer lugar, a qualquer tempo. Mas os bispos não têm direito de pastorear mais do que o rebanho local no qual servem.

Hoje em dia, os sistemas de organização em muitas denominações são invenções humanas não autorizadas por Deus. Deus não ordenou hierarquias poderosas, direção centralizada ou bispos regionais. Ele autorizou grupos de homens qualificados a pastorear as congregações locais. Que possamos ter confiança no Senhor e seguir seu plano.


Fonte: Dennis Allan em Estudos da Bíblia
----------------------------------------

Ex-dançarina do 'É o Tchan' vira cantora gospel e missionária

Débora na época do Gera Samba e É o Tchan e agora como cantora gospel

A ex-dançarina do É o Tchan, Débora Brasil, está de volta aos palcos - dessa vez como cantorra gospel. Débora deixou o grupo no auge do sucesso, em 1996, e depois ainda tentou seguir carreira como cantora de axé, sem êxito. Segundo o jornal "Extra", Débora está convertida à igreja Missão Mundial do Trono de Deus há 8 anos.

"Durante certo tempo, senti falta de algo que me preenchesse e acabei entrando em depressão por isso. Até conhecer Jesus", relembra a ex-morena do Tchan.

Débora se prepara para gravar seu primeiro CD gospel, gravou recentemente um DVD com outros cantores religiosos e viaja pelo Brasil pregando. Ela diz e considerar uma "pessoa melhor", mas não se arrepende da época em que dividia os palcos com Beto Jamaica, Cumpadre Washington, Jacaré e Carla Perez. Na época, ela chegou a ter um relacionamento cheio de altos e baixos com o cantor Beto Jamaica. Hoje em dia, a única que ela ainda mantém contato é Carla Perez, também evangélica.

"Não fiz nada que prejudicasse a minha integridade, mas foi um círculo que se fechou e que não sinto falta", explica. Ela ainda mora em Salvador e é solteira - está "aguardando a providência divina". Sobre a época de dançarina do Tchan, ficou uma lição: "O dinheiro, a fama e o sucesso passam. O que fica é a glória divina. Hoje sou completa".


Fonte: Correio 24h
------------------

Bispo da Igreja Anglicana Edward Robinson Cavalcanti e esposa são mortos a facada por filho

O bispo diocesano da Igreja Anglicana, cientista político e ex-reitor da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Dom Edward Robinson Cavalcanti, de 64 anos, e a esposa dele, a professora aposentada Mirian Nunes Machado Cotias Cavalcanti, também de 64 anos, foram assassinados na casa da família, na Rua Barão de São Borja, número 305, em Jardim Fragoso, Olinda, na noite do último domingo (26).

De acordo com a policia, o autor do crime é o filho adotivo do casal Eduardo Olímpio Cotias Cavalcanti, de 29 anos. O rapaz morava nos Estados Unidos desde os 16 anos de idade e teria voltado ao Brasil há cerca de 15 dias depois de ter sido preso no país estrangeiro várias vezes por envolvimento com drogas e outros delitos.

Segundo o reverendo Hermany Soares, amigo da família, quando Eduardo chegou ao Brasil, ele foi buscá-lo no aeroporto e ainda no desembarque teria perguntado onde poderia comprar uma arma.

Ontem pela manhã, o rapaz saiu de casa, foi beber na praia e voltou à tarde. À noite, foi visto amolando uma faca na frente do portão de casa. Por volta das 22 horas, Eduardo começou a discutir com o pai, pegou a faca e golpeou o idoso. A mãe foi defender o marido e também foi esfaqueada.

O bispo Robison morreu no quarto. A mãe ainda foi levada para o Hospital Tricentenário, em Olinda, com uma facada no peito esquerdo, mas já chegou morta. Após o crime, Eduardo tentou cometer suicídio ingerindo uma substância ainda não identificada e desferindo vários golpes de faca no próprio peito. Ele foi levado para o Hospital da Restauração (HR) por uma viatura da Polícia Militar. Eduardo estava passando por um processo de deportação.

Segundo informações de parentes, o bispo Robinson foi o coordenador regional da primeira campanha do ex-presidente Lula para presidente da República, que, inclusive, o teria visitado em casa depois de eleito. O bispo também foi candidato à deputado federal e proferiu palestras na Organizações das Nações Unidas.


Fonte: Diário de Pernambuco com informações da TV Clube
------------------------------------------------------

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Ainda espero por Ti...

Perdido em um mundo de pecado e de dor,
Procurei em vão a paz, mas não pude encontrar.
Já cansado e ferido, sem amigos e sem lar,
Pude ouvir a sua voz, com carinho a me chamar.

Vem meu filho, o passado já não mais importa.
Teu pecado na cruz para sempre foi pago.
Vem meu filho e aceite o chamado incansável,
De um Pai que espera por ti

Sua voz doce e meiga escolhi rejeitar,
Desprezei o grande amor que só Ele pode dar.
Novamente achei-me perdido e só,
Tão distante do meu lar e sem forças pra voltar.

Mas Seus braços de ternura novamente eu senti,
Percebi quão falho sou, Ele nunca me esqueceu.
Sua mão tocou a minha e uma lágrima rolou
Quando ouvi mais uma vez: Bem-vindo ao lar.


Autor: Isaque Resende de Freitas
--------------------------------

Apóstolo Valdemiro Santiago rebate ataques do Bispo Macedo: ‘você acredita em Deus ou no demônio?’ Assista!

Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus está concretizando plano da compra de um canal a cabo nos Estados Unidos com uma oferta inicial de US$ 14 milhões (R$ 25 milhões).

O apóstolo Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus deu sua resposta aos ataques que vem sofrendo de Edir Macedo por meio de seu programa no horário da RedeTV!, uma das emissoras que transmitem seus programas e mensagens.

O líder da IMPD rompeu seu silêncio após o episódio em que Edir Macedo “entrevista” uma mulher supostamente possuída por um demônio e este “revela” que legiões demoníacas estavam por trás dos milagres realizados pela denominação.

“Você acredita na Bíblia, em Deus ou no demônio?”, questiona o fundador da Mundial. Valdemiro ainda disse, no vídeo postado no You Tube, e baseando-se no livro de Lucas 7:18, que curas e milagres somente Deus seria capaz de fazer. “O homem não pode pregar a palavra de acordo com interesse disto ou aquilo, mas sim como ela realmente é”, acrescentou.

“Preste atenção, não existe uma religião no mundo, não tem um pastor, nem apóstolo, nem bispo, nem padre (…) ninguém no mundo está credenciado a fazer isso se Deus fizer e não o credenciar”, disse Valdemiro.

O líder religioso acrescentou ainda sobre os frequentes milagres e curas que diz ocorrer na Igreja Mundial. “O diabo faz isso, o homem faz isso? Não, só Deus faz”, afirma Valdemiro.

A revista Veja atribuiu a cena da “conversa com o demônio” não a um episódio sobre batalha espiritual, mas a uma outra guerra, desta vez entre Igreja Universal e Igreja Mundial.

A Igreja Mundial estaria arrebatando um grande número de féis da denominação de Edir Macedo, o que pode estar minando as finanças da Igreja Universal. Enquanto isso, a Mundial é uma das igrejas que mais crescem atualmente.

Recentemente, a Igreja Mundial inaugurou seu templo em Guarulhos, com capacidade de 130 mil pessoas – mais que o Maracanã, cuja capacidade é de 100 mil pessoas.

Com programas em diversas emissoras, a denominação tornou-se ainda a igreja com mais tempo na TV aberta brasileira.




Fonte: The Christian Post
--------------------------

Igreja Batista em Jerusalém é atacada por vândalos pichadadores: "morte ao cristianismo"

Igreja Batista de Jerusalém é atacada por vândalos. Em uma das paredes foi pichada a frase: "morte ao cristianismo".

O ataque aconteceu nesta segunda-feira, no Templo Batista de um bairro residencial no oeste da cidade. Esta é a segunda vez em um mês que um templo é vandalizado. Além da frase contra o cristianismo e palavras profanas associadas a Jesus Cristo, também foram pichadas as siglas do movimento "Etiqueta de Preço".

Esse grupo foi fundado por colonos judeus ultranacionalistas, contrários à presença de muçulmanos e cristãos. "Etiqueta de preço" é o termo usado para mostra que eles estão dispostos a pagar a qualquer preço para combater a devolução dos territórios ocupados aos palestinos, na formação de um futuro estado.



Fonte: Band News TV
-------------------

Seria Deus um condenador?

Seria Deus um condenador? Seria Deus uma divindade que sente prazer em trazer seus filhos junto a si pelo medo da condenação? Quantas pessoas já encontrei que disseram estar longe da igreja ou do evangelho porque não suportaram a imposição de comportamentos religiosos com base na coerção, na ameaça, no medo. Vítimas de palavras como: “Deus vai te castigar”! “Deus vai cobrar de você”! “Deus está vendo tudo, cuidado com Ele”! “Deus vai pesar a mão sobre você”! (essa é a pior, porque isso nos esmagaria totalmente).

Há uma geração de crentes que foram criados numa cultura de medo, ouvindo na Escola Dominical “cuidado mãozinha o que pega, cuidado olhinho o que vê, cuidado pezinho onde pisa, o nosso Pai do céu está olhando pra você, cuidado mãozinha o que pega”. Imagine o terror imposto a uma criança de cinco anos, ouvindo isso.

Então criamos, no nosso imaginário, esse Deus que gosta mesmo é de impor o medo. De ameaçar sempre com um inferno dantesco. Um inferno que é um rio caudaloso de lava vulcânica, um horror de gritos horripilantes, um suplício indizível. O Deus que forjamos em nossa mente é esse que está sempre apontando para a porta desse inferno e dizendo: “Cuidado! Olha o que te espera”!

Fico tentando encontrar esse Deus que impõe o medo dessa forma na pessoa de Jesus e não o encontro. Encontro um Deus amoroso ao extremo. Firme, enérgico e até irado, mas cuja principal missão é salvar, não condenar. Seu desejo é aproximar pelo amor e não pelo medo. Li outro dia uma frase com a qual concordo: “Um Deus que se alimenta dos meus medos, não me serve”.

Deus não é um condenador. O mundo é que é. O mundo trata seus habitantes de mundo implacável. Sempre. Não há misericórdia no sistema contemporâneo. Deixe de pagar uma conta por exemplo. Todos os meios serão utilizados para que pague até o último centavo. Não há misericórdia, compaixão ou graça.

Deus não é um condenador. A religião é que é. Sempre fustigando as pessoas pelo medo. Um jeito fácil de conseguir manipular as massas.

Deus não é um condenador. Você é que é. Quando se condena a viver uma vida sem crer na graça e sem vivenciar um amor incondicional, gratuito e que não exige desempenho.

Deus é um salvador. Jesus veio para salvar e não para condenar. No dizer de John Stott, “o crucificado é o Deus por mim”, porque me dá a certeza de que não estou só nesse mundo de dores. Porque num mundo egoísta, ele é a prova de que existe amor altruísta levado às últimas conseqüências, sou amado de graça. É, também, a prova de que a vida prevalecerá afinal, porque após três dias na sepultura a vida ressurgiu e prevaleceu sobre a morte. Sim, Deus é um salvador.


Fonte: Márcio Rosa da Silva em seu blog
---------------------------------------

Pastor abandona púlpito de megaigreja e vira “sem teto”

O pastor Thomas Keinath, da megaigreja Calvary Temple, localizada em Wayne, New Jersey, abandonou o púlpito de sua congregação, que reúne mais de 2000 pessoas a cada domingo. A Calvary fica em um bairro rico da cidade e o pastor surpreendeu a todos quando anunciou que passaria a morar nas ruas como um “sem teto”.

Podendo escolher entre tirar uns dias pra ficar com a família ou participar de alguma conferência eclesiástica, ele passou uma semana de suas férias vivendo entre os sem-teto e mendigos de Paterson, cidade vizinha de Wayne.

Durante o dia, ele podia ser visto vagando pela cidade, parecendo apenas mais um homem sem ter para onde ir. À noite, ele se juntava a outros moradores das ruas, fazendo fogo em tonéis para manter-se aquecido enquanto as temperaturas caíam drasticamente. Várias noites ele dormiu rodeado de lixo sob o viaduto de uma estrada interestadual. Ele passou a escrever “mini-biografias”, das cerca de 50 pessoas que conheceu, para poder lembrar-se delas e de suas histórias de vida.

Por que ele fez tudo isso? Para o pastor, a explicação é simples: “Eu precisava entender o que eles estavam passando, eu precisava sentir a sua dor. Como eu poderia levar ajuda ou cura para as ruas se eu não sabia quais são as necessidades dessas pessoas?”

O pastor Keinath passou sete dias e sete noites nas ruas e agora sabe como essas pessoas pensam e a opinião que elas têm sobre as igrejas. Durante essa “semana de férias” em que viveu na rua, teve a oportunidade de pregar e orar pelas pessoas. Ele calcula que chegou a ter cerca de 75 ouvintes nas reuniões feitas na rua. “Não havia uma pessoa sequer , seja sem teto ou toxicodependente, que abertamente rejeitou a esperança que eu estava tentando oferecer”, disse.

Por isso, o pastor pretende mobilizar sua igreja e as outras da cidade a não olhar mais para os sem teto com uma atitude do tipo “tome um pouco de dinheiro ou comida e não me perturbe mais”. Thomas Keinath organizou em janeiro uma vigília de oração com outros pastores no parque Barbour Park, em Paterson. O tema foi “reconstruindo os muros e restaurando nossas ruas.”

“As pessoas têm de saber que vocês [cristãos] realmente se preocupam com elas. Isso é parte do que somos como crentes no Senhor. Minha identificação com eles derrubou muitas barreiras”, disse Keinath, que já pregou em 21 nações e entende esse como seu maior desafio.

Desde que voltou ao púlpito da Calvary, as vans da igreja estão buscando e levando os sem-teto que desejam participar dos cultos de domingos. Mas isso é apenas o começo do que o pastor está chamando de “solução a longo prazo”, que inclui a construção de um centro patrocinado pela igreja que pretende “abrigar os sem-teto ao mesmo tempo ajudá-los a recuperar-se, inclusive dos vícios em álcool ou drogas”.

Segundo Keinath, que afirma ter apoio total dos membros, a Calvary está seguindo o exemplo dado pelos cristãos de Cesaréia. No início do quarto século, a cidade foi atingida por uma praga. Enquanto todo mundo estava fugindo da cidade, os cristãos ficaram para cuidar dos doentes e moribundos.

Na ocasião, o historiador da igreja Eusébio escreveu: “Durante todo o dia, alguns cristãos cuidam dos moribundos e enterram os mortos. Há um número incontável de pessoas pelas ruas que não tem quem cuide delas. Enquanto isso, outros cristãos se encarregaram de alimentar os famintos”.

“Eu sinto”, explica o pastor, “como se Deus estivesse dizendo: Voltem para suas raízes. Volte para onde as pessoas estão sofrendo hoje”.



Tradução e adaptação: Gospel Prime
Fonte: Breakpoint e Calvary Temple Wayne
------------------------------------------

Idosas ingerem hóstias alucinógenas e agridem padre

A igreja do Santo Espírito de Campobasso, na região centro de Itália, foi palco no último domingo de um momento inusitado, quando um grupo de idosas ingeriu hóstias alegadamente alucinógenas e agrediu o pároco local.

Duas mulheres gritaram «Você é o demônio!», enquanto perseguiam o padre, que fugia pelo templo, e agrediam-no. Outras pessoas começaram a ter visões de santos e houve ainda quem se abraçasse ao crucifixo exposto na igreja.

O momento macabro foi noticiado pela cadeia televisiva italiana Abruzzo24, que atribuiu as cenas insólitas ao fato de as hóstias terem sido preparadas, por engano, com uma farinha alucinógena.

A mesma fonte avançou que Don Achille, o padre que celebrava a missa, foi obrigado a trancar-se na sacristia até a chegada das autoridades.

Na última sexta-feira, a diocese de Campobasso veio a público desmentir o sucedido, alegando que a notícia representa um ataque contra a Igreja católica.


Fonte: A Bola
-------------

sábado, 25 de fevereiro de 2012

O aspecto esquecido do casamento...

Na grande controvérsia sobre o casamento, divórcio e novo casamento, tão frequentemente negligenciamos o fato de que o casamento é uma promessa solene – um compromisso de um homem e uma mulher entre si – feita diante de Deus, para toda a vida. Mesmo se não fosse governada pelos decretos especiais dados por Deus (que é), seria pecaminoso quebrar tal aliança.

O conceito de honrar o compromisso é um princípio claramente ensinado em todas as Escrituras. Como um exemplo: “Ainda que uma aliança seja meramente humana, uma vez ratificada, ninguém a revoga ou lhe acrescenta alguma coisa” (Gálatas 3:15). Entretanto, o casamento é muito mais do que uma aliança meramente humana (Mateus 19:6).

Uma vez que o pecado de quebrar tal aliança é cometido, como a pessoa volta para um relacionamento apropriado com Deus? A pessoa, sendo cristão ou não, deve se arrepender do pecado. Isto significa que deve haver uma tristeza segundo Deus (2 Coríntios 7: 9-11) e todo esforço de eliminar todos e quaisquer efeitos negativos causados pelo próprio pecado.

Jesus indicou que mesmo nossas ofertas no altar são sem sentido se nosso irmão tem alguma coisa contra nós (Mateus 5:23-24). Nós devemos resolver estes problemas primeiro. Quanto mais devemos resolver os problemas com aquele com quem nos tornamos uma só carne (Gênesis 2:24).

A família é o bloco fundamental da nossa sociedade. A criação de vida nova é confiada por Deus a uma unidade familiar legítima e apenas a esta unidade. Isso é tão importante que Deus foi bem além das considerações dadas acima para nos fornecer a orientação adicional: Mateus 5:31-32; 19:3-9; 1 Coríntios 7; Hebreus 13:4; etc. Aqueles que pensam em casar-se devem dar a isto uma consideração mais séria.

O casamento é para a vida toda. Se você não puder aceitar este fato, cancele seus planos até que aceite. Aqueles que estão mantendo este compromisso agradecem a Deus pelo seu projeto excelente e reconhecem como são abençoados vivendo dentro da lei de Deus. Esposas, honrem seus maridos; maridos, amem suas esposas (Efésios 5:22-33).

Se você não está vivendo pela lei de Deus, reconheça qual destruição você está trazendo sobre você mesmo, sua familía, e a sociedade. Mais importante, pense sobre seu desrespeito para com Deus. “Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará” (Gálatas 6:7).



Fonte: David B. Brown em Estudos da Bíblia
-------------------------------------------

Mais uma bizarrice gospel: santa ceia em casa ou óleo ungido por R$ 300,00

Olha só a nova, você desembolsa R$ 300,00 e recebe em casa a santa ceia, ou um frasco de óleo mágico. A cada dia que passa as pessoas estão mais descaradas, não existe temor de Deus nessa gente. E por causa disso o evangelho é escarnecido, porque a mídia preconceituosa coloca tudo no mesmo saco, usou terno e uma Bíblia a turma chama de pastor. Não importa de onde venha, onde estudou, qual casa frequente.

Os pastores de igreja sérias, que estudaram e ainda estudam Teologia, que tem bacharelado (não por correspondência por R$ 300,00 e em 90 dias), que passaram 03 ou 04 anos em um seminário; aqueles que tem mestrado e doutorado, são comparados com essa estirpe de gente. Me recuso a ser colocado em paridade com picaretas desse tipo, sou pastor protestante, servo de Deus e prego o evangelho da graça. Isso que está no vídeo abaixo não pode e nem deve ser chamado de igreja, ninguém com um mínimo de senso vai confundir esse vendedor com um pastor.

Assista o vídeo e toda vez que achar algo parecido com isso, seja onde e em quem for, não é uma igreja evangélica.



Fonte: Joelson Gomes em Graça Plena
-------------------------------

Dica de Filme: Amor Sem Limites

Jeff e Heather Baker eram “sortudos”. Melhores amigos na infância, namorados na adolescência e casados aos vinte e dois anos, eles eram almas gêmeas inseparáveis. Após o nascimento do filho deles, Heather cai em uma depressão profunda.

Sem mais esperanças, ela desaparece.Dez anos depois do desaparecimento da esposa, o mundo de Jeff dramaticamente dá uma reviravolta quando Heather, espantosamente, reaparece em um lugar nada comum.

Com um repertório composto e apresentado pela ganhadora de prêmios cristãos e artista Michelle Tumes, Amor Sem Limites é uma história tocante sobre fé e perdão para a família.

Assista o trailer do filme:




Fonte: BV Filmes
---------------

Bispos da Igreja Universal poderão ser presos por “curar” jovem homossexual

O vídeo onde um jovem homossexual é exorcizado e “curado” durante um programa da IURD TV pode render um processo judicial histórico no país.

Neste programa, o bispo Edir Macedo, fundador da Igreja Universal do Reino de Deus, fala que o jovem identificado apenas como Leandro passaria por um processo de “libertação”.

O bispo Clodomir Santos é chamado e conversa com o demônio e o expulsa depois de saber que o jovem se tornou gay por ser vítima de um “trabalho de macumba” de um vizinho contra ele.

O jovem se contorce, grita e se ajoelha no chão enquanto os bispos começam a gritar “queimando, queimando, queimando” e o exorcismo é feito. O jovem volta ao seu estado normal e diz que se sente melhor. Depois, agradece por ser libertado pelos bispos da Universal.

A alegação da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT) é que as imagens seriam provas de “charlatanismo”. Segundo o artigo 283 do Código Penal, esse crime pode resultar na prisão dos envolvidos por até dois anos.

A ABGLT pediu ao Ministério Público de São Paulo que investigue o caso, pois afirma que embora a Constituição garanta liberdade de culto, a homossexualidade não pode ser tratada como uma doença. Desde 1990, ela não consta mais da Classificação Internacional de Doenças, da Organização Mundial da Saúde.

“Parece-nos que o vídeo em questão, assim como vários outros disponíveis na internet com conteúdos parecidos, é uma prova cabal da prática do charlatanismo, uma vez que divulga publicamente a suposta “cura” de uma condição que não é doença, além de disseminar a demonização e manifesta intolerância da homossexualidade”, diz o requerimento encaminhado pela Associação ao MP.

O Ministério Público ainda não se manifestou a respeito. Não é a primeira vez que Toni Reis, presidente da ABGLT, entra em rota de colisão com os evangélicos.

Reis e sua associação já reivindicartam no ano passado punições às emissoras que levem ao ar declarações ofensivas aos direitos homossexuais. Sua solicitação ao Ministério das Comunicações é que se iniba essa prática em especial nos programas religiosos transmitidos em rede aberta.

Além dos pastores evangélicos, em especial Silas Malafaia, que moveu um processo contra Toni Reis, o deputado Jair Bolsonaro também já foi atacado pela ABGLT.

Esta semana, a ABGLT e outras entidades similares, enviaram um ofício ao Ministério Público Federal, questionando o veto aos vídeos da campanha do Carnaval contra a Aids, produzida pelo Ministério da Saúde com o foco em jovens gays.

Também solicitou ao Ministério Público Federal que investigue e tome providências sobre o veto à distribuição do chamado “kit Gay”, material distribuído nas escolas que serviria para combater a homofobia. Na interpretação dos evangélicos e católicos, que conseguiram impedir sua distribuição, o material iria promover a homossexualidade.

A Associação quer saber que providências o governo está tomando “diante da comprovada existência da homofobia no ambiente escolar”.

Assista:




Fonte: Gospel Prime
-------------------

Fotógrafo argentino registra amor entre idosos lutando contra o Alzheimer

O fotógrafo argentino Alejandro Kirchuk, de 24 anos, registrou durante três anos o cotidiano dos seus avós maternos, após descobrir que a avó travava uma batalha contra o Alzheimer.

A série de fotos revela as mudanças no comportamento da avó, Mónica, e o amor do marido, Marcos, que após o diagnóstico da doença, em 2007, deixou tudo para acompanhá-la até a morte, no ano passado.

"Os protagonistas (desta série) são meus avós. Mas principalmente ele e seu amor por ela", disse Kirchuk à BBC Brasil.

"Para mim, a atitude dele foi um descobrimento especial e que mostrei nas fotos".

A obra foi chamada de La noche que me quieras e ganhou o primeiro lugar do concurso World Press Photo 2011 na categoria "Vida cotidiana". Segundo o fotógrafo, o título é uma referência ao verso que a avó cantava mesmo quando a doença já estava em estágio avançado, do tango El día que me quieras, famoso na voz de Carlos Gardel.

"Isso confirma que os dois viviam uma história de amor", afirmou Kirchuk.

Mónica morreu aos 87 anos de idade e Marcos, que é médico aposentado, tem 89 anos. Ambos ficaram casados durante 65 anos.

Registro detalhado

Kirchuk contou que tirou centenas de fotos do casal. A seleção que enviou ao concurso mostra desde os primeiros momentos da avó com os sinais da doença degenerativa até a etapa terminal.

Quando ele iniciou o trabalho, Mónica sofria de Alzheimer havia dois anos mas levava uma vida quase normal. Porém, recordou o fotógrafo, com falhas na memória.

"Às vezes, ela me reconhecia e às vezes, não. Com o tempo, já não me reconhecia mais. Mas à sua maneira reconhecia meu avô que a acompanhou em cada detalhe do cotidiano."

O fotógrafo diz que a imagem "mais forte" de sua avó é um retrato tirado bastante de perto, quando ela já estava abatida, no ano passado. A foto da avó com olhos que parecem marejados foi tirada dois ou três meses antes de sua morte.

"Era como ela olhava o mundo. Um olhar triste que marcou seu último ano de vida", disse.

Homenagem ao avô

O desfecho da obra é uma imagem de Marcos sozinho olhando o jardim da casa onde morou com Mónica. O fotógrafo registrou e acompanhou Marcos em todos os momentos, inclusive levando flores para a avó no cemitério onde Mónica foi sepultada.

"Esta série é uma homenagem a ele. Ele ficou com ela até o último minuto."

Quando perguntado sobre o que o avô achou do projeto, Kirchuk respondeu que, "no início, ele achou estranho".

"Mas depois soube entender a importância do registro deste amor. E de se poder mostrar ao mundo que este trabalho pode estimular que idosos sejam apoiados em casa e que não sejam enviados para um asilo", afirmou.













Fonte: BBC Brasil
-----------------

Novos protestos por queima do Alcorão deixam 2 mortos no Afeganistão

Pelo menos duas pessoas morreram neste sábado e dezenas ficaram feridas no quinto dia consecutivo de protestos no Afeganistão motivados pela queima de exemplares do Corão (livro sagrado islâmico) em uma base militar americana, informaram fontes diversas à Agência Efe.

Os fatos mais graves ocorreram na cidade de Kunduz, onde cerca de 200 manifestantes foram às ruas e tentaram invadir um prédio da ONU e o quartel da polícia afegã, que teve de atirar para manter a ordem.

'Dois manifestantes morreram e seis estão feridos', disse à Efe o subchefe da polícia provincial, Ghulam Mohammad Farhad, que acrescentou que há três agentes feridos. Já uma testemunha afirmou à Efe que foram três os mortos nos enfrentamentos.

Também houve confrontos na província de Laghman, onde cerca de 1 mil foram às ruas e enfrentaram as forças de segurança na capital, Mihtarlam. 'Temos 16 feridos. Dois deles estão em estado crítico', relatou o porta-voz do governo regional, Zargul Persarlai.

Segundo a agência de notícias afegã 'AIP', também houve manifestações nas regiões de Sar-e Pol, Paktia, Logar, Paktika e Nangarhar, algumas delas com episódios de violência.

Os protestos contra a queima do Corão já causaram mais de 25 mortes em diferentes pontos do país. Entre as vítimas, há dois soldados das tropas internacionais que morreram na quarta-feira por disparos de um militar afegão durante uma manifestação no leste do país.

Os distúrbios começaram na terça-feira, quando funcionários afegãos da maior base americana no Afeganistão, Bagram, denunciaram publicamente que vários exemplares do Corão foram queimados dentro do complexo.

A missão da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) classificou o ocorrido como um equívoco, pediu desculpas e abriu uma investigação conjunta com o governo afegão sobre o caso.

Fonte: EFE
---------

Muito além das aparências...

Não... quem vê cara não vê coração, nem a alma, nem a solidão ou o desespero escondidos atrás de sorrisos ou gestos. Não que essas coisas não sejam transparentes, mas o que as outras pessoas gostam mesmo são das evidências. Para elas, se sorrimos, é evidente que estamos felizes e não há razão para ir além. As pessoas se esquecem simplesmente que existimos além, muito além das aparências.

Se você diz que está triste, seus verdadeiros amigos vão querer saber por quê, vão se interessar. Talvez antes que você pronuncie uma palavra eles já notaram, por que te conhecem o suficiente. Mas em geral cada qual já tem suas próprias preocupações, legítimas ou não, para querer saber o que se passa dentro de um coração fechado.

Diz-se "como vai você" ou "tudo bom" mais por educação do que por interesse em saber realmente como o outro vai. Faz parte do palco da vida onde cada qual representa seu papel. E quando as cortinas se fecham, fecha-se também o mundo em torno de si. Pessoas sentem-se sozinhas, choram sozinhas e oram em silêncio para que a solidão faça uma viagem para bem longe...

Todo mundo parece tão preocupado com sua busca de felicidade, seu par perfeito, suas realizações... suas! Olhássemos nós um pouquinho mais para o lado e veríamos que não pode haver felicidade, ou perfeição, ou realizações se temos tudo, se conseguimos tudo, mas não conquistamos verdadeiramente um coração.

As pessoas existem além das aparências, elas amam além das aparências, elas sofrem além das aparências. Elas são, simplesmente.

A gente aprende muitas coisas na vida, mas pouco aprendemos sobre olhar. Olhar dentro, pra dentro... fotografar em si as necessidades alheias e tentar supri-las com um interesse verdadeiro. A superfície engana tanto e tanto! Mas ninguém disfarça um olhar que brilha ou que chora.

Existiria menos egoísmo e menos solidão se olhássemos mais nos olhos das pessoas, se compreendêssemos que para elas muitas vezes mais importante que um pedaço de pão é um pouco da nossa atenção.


Autor: Letícia Thompson
-----------------------

Descoberta bíblia com 1500 anos na Turquia

Tem 1500 anos e é uma das mais antigas bíblias do mundo. A descoberta foi feita na Turquia depois de a polícia ter desmantelado uma rede de venda ilegal de antiguidades em 2000.

Desde então a bíblia, escrita em folhas de couro e que de acordo com os peritos é inteiramente original, foi mantida durante vários anos num cofre-forte de Ancara até ter sido entregue ao Museu Etnográfico de Ancara. A instituição deverá agora restaurá-la para em seguida ser exposta ao público.

O documento, que está avaliado em perto de 20 milhões de euros, é inteiramente escrito em siríaco um dialeto do aramaico, língua que terá sido falada por Jesus Cristo.

São muitas as vozes que afirmam que esta versão da bíblia é o controverso Evangelho de Barnabé, que contradiz o Novo Testamento e aproxima-se da visão de Jesus da religião islâmica.

O Vaticano já pediu às autoridades turcas para analisar o documento.



Fonte: Euronews
---------------

O crente no carnaval...



Ex-bispo da Renascer desabafa em rede social

Pastor Hamilton (foto) desabafou no Facebook

O ex-bispo e atual pastor da Igreja Casa da Rocha, Hamilton Gomes, publicou uma matéria da Folha de São Paulo no facebook em que fala sobre a viagem do presidente da CBF Ricardo Teixeira a Miami. Hamilton comentou a reportagem dizendo: "Ricardo Teixeira fugiu pra Miami.... já era.... Atenção Miami, tá chegando mais um ladrão por ai...." disparou.

O comentário do guitarrista da banda Resgate causou desconforto entre seus seguidores que entenderam que o pastor estava falando sobre a prisão do apóstolo Estevam e da bispa Sonia em Miami: "Não julgue irmãooooo!!!" disse um seguidor; o que revoltou Hamilton: "Mano, por isso que o Brasil tå cheio de ladråo... vms parå com isso.... que religiosidade é essa? Se denuncia e fala a verdade, ou até mesmo brinca com qq assunto, vem esse de papo de julgar. Vms cair na real. To cansado disso....". O seguidor respondeu Hamilton dizendo: "Ja vi muitas pessoas serem chamadas daquilo que não são, sei q esse R. Teixeira tem historico comprometedor msm, não é religiosidade não, até msm pq não tenho religião nenhuma, mas palavras forte como (ladrão) é preciso provas, suponho que as tenham né? Nesse caso perdoa-me."

Muitos seguidores do pastor foram a seu favor, criticando Ricardo Teixeira: "quem é Ricardo Teixeira em Miami,comparado ao outro que esteve lá e voltou?" e "destino favorito de "muitos" picaretas! rsrs" disse outro.



Fonte: Renascer Prime
--------------------

Tá na Bíblia: as condições para ser salvo



"Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado."

(Marcos 16:16)

Deputado lamenta o resultado do saldo de Carnaval e cita versículo da bíblia

O deputado Luiz Cláudio (PTN) ao ter acesso ao saldo de ocorrências registradas somente no Pronto Socorro João Paulo II, de 17 a 19 deste mês, lamentou a estatística do período de carnaval onde foram realizados 253 atendimentos, sendo 46 por acidentes de trânsito, nove ferimentos por arma branca, seis ferimentos por arma de fogo, sete agressões físicas, 14 quedas e oito acidentes de trabalho. Também foram realizadas 26 cirurgias e dois óbitos por traumatismo crânio-encefálicos-TCE vítimas de acidente motociclístico.

Na opinião do parlamentar, quem saiu ganhando neste carnaval foram as pessoas que decidiram passar este extenso feriado com suas famílias ou participar de retiros espirituais. “Infelizmente ano após ano o saldo final do carnaval é negativo: violëncia, morte, acidente de trânsito, embriaguez, gravidez indesejada, endividamento, dentre outros, que sobrepõem os momentos de alegria”, avaliou.

A gravidez em adolescentes é um fator que tem preocupado o parlamentar, sendo que segundo balanço da Maternidade Municipal de Porto Velho houve aumento no registro de meninas de 10 a 14 anos de idade que engravidaram em 2011. Para Luiz Cláudio, os dados divulgados pela diretora Ida Perea referente ao ano passado são assustadores, já que dos 1.869 partos, 553 foram em adolescentes.

Segundo o deputado, a democracia nem sempre vai suprir os anseios dos cidadãos, sendo que as necessidades são muitas. “Mas Deus, através de Jesus Cristo, consegue suprir os anseios e resolver nossos conflitos. Acredito firmemente que se as pessoas se renderem a Jesus poderão ter dias melhores e essa estatística tão devastadora, que tem destruído às famílias, seja reduzida, porque acabar é muito difícil”, salientou.

Luiz Cláudio fez um alerta ao citar a passagem bíblica de Filipenses 2:15, onde o apóstolo Paulo diz aos cristãos: “para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus imaculados no meio de uma geração corrupta e perversa, entre a qual resplandeceis como luminares no mundo”. “Que os cristaos sejam como essas estrelas que brilham na escuridão do universo como cita o apóstolo Paulo. Que os cristãos brilhem como luzes nas trevas espirituais do mundo, onde há tanta imoralidade e depravação, onde os valores da família estão sendo quebrados e tantas vidas estão sendo destruídas”, concluiu.

Fonte: Rondônia ao Vivo
-----------------------

Pensamento sobre incredulidade




"É a incredulidade que impede nossa mente de voar para a cidade celestial e de andar pela fé com Deus nas ruas de ouro.”

(A W Tozer)